Páginas

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

O primeiro ou o último trimestre?

Já falei aqui que o Guilherme foi um high-need baby. No caminho para esta descoberta descobri muita coisa interessante e que deixei armazenada para uso futuro (mesmo algumas que não se mostraram eficientes), entre essas coisas está a teoria da extero-gestação do Dr. Karp. Para o pediatra norte-americano os bebês humanos nascem muito imaturos se comparamos com os demais mamíferos (pôxa, a maioria já nasce andando!) e por isso precisamos simular o ambiente uterino nos primeiros três meses de vida do bebê. Para ele, essa imaturidade é que causa as "cólicas" dos RN, que nada tem com o aparelho disgestivo.
Pouco antes do Felipe nascer, reli o livro "The Happiest baby on the block" e rapidinho colocamos algumas coisas em pratica já que ficou evidente que o reflexo de moro* acordava ele cada vez que era colocado no berço. Assim passamos a fazer "charutinho" de Felipe na hora de dormir e aos poucos todos os "eses" do Dr. Karp foram aparecendo aqui em casa e apenas um não é usado.
1. Swaddling (o charutinho), que consiste em embrulhar o bebê de modo que os braços fiquem imóveis;
2. Side/stomach position (posição de lado ou bruços), segurar o bebê de lado/ bruços (como uma bola de futebol americano) não é pra deitar o bebe no berço, mas na hora de embalar;
3. Shhh Shhhh, sabe o barulho do aspirador de pó? pois ele acalma a maioria dos bebês por que é bastante similar aos sons que ouvia quando estava dentro da barriga;
4. Swinging (o balanço), não é pra sacudir o bebê, mas balançar com movimentos firmes e curtos com cuidado para a cabeça do bebê não ficar sacudindo e ela tem que estar alinhada com o corpo; e
5. Sucking (sucção),  para o Dr. Karp a chupeta é válida.

Isso tudo pra dizer que nós últimos meses estava mais entretida lambendo a cria (as crias) e entre uma coisa e outra o blog foi ficando meio vazio, as ideias surgiam mas ficam só como rascunhos, no dia seguinte já não pareciam tão interessantes ou achava até meio batidas. Se com o primeiro filho tudo é novo e por vezes assustador, com o segundo (no meu caso último) tudo vem embrulhado de nostalgia e tenho me dado o presente de ficar com ele dormindo no colo, deixar ele mamar quando e quanto quiser, fotografar as caras, bocas e choros. Fiz isso tudo com o Guilherme, mas o sabor era outro, eu era outra. Este período está chegando ao fim e meu bebê está cada dia mais esperto, descobrindo e aprendendo.
________________________________________

* Esse reflexo consiste em levantar os braços rapidamente como se tivesse levado um susto. Pode ser notado ao movimentar o bebê, mas pode ocorrer também durante o sono.

6 comentários:

Fabiana Alvim disse...

Quando estava grávida e enquanto Joana era RN eu dizia também que ela seria minha última. Estava certa e decidida. Aí comecei a sofrer tanto... a ficar tão saudosa e nostálgica que passei a imaginar um terceir@ só pra manter a possibilidade de carregar mais um serzinh@ no ventre e nos braços.
Talvez el@ só viva mesmo nos meus sonhos! bjs

Neda disse...

@Fabiana Alvim Fabiana, eu ADORO a gravidez, parto e cuidar de bebês, mas preciso ser realista. bjs

Paloma, a mãe disse...

Neda, morro de curiosidade para saber como têm sido as coisas por aí, mas entendo e respeito demais esta fase, então me limito a dizer que estou com saudades e, quando der, retomamos as nossas conversas (via post, Gtalk, email ou o que vier)!
Beijos

Sandra Hellen Kautto disse...

Te entendo totalmente. Provavelmente o Elias vai ser o primeiro e último filho, e morro de nostalgia e tristeza em pensar que não irei viver tudo novamente...

Aproveita muito!
Beijos

Cíntia Anira disse...

NEDA,

Curta mesmo essa fase. Voa né?
Como não serei mãe tão cedo, eu fico babando nas fotos da Bia RN. Vale a pena curtir cada dia especial.

beijos

Livia, mãe da Carol disse...

Eu curti intensamente esta fase na Carol mas sinto muitas saudades! A fase atual é também deliciosa, mas muito diferente! Curta mesmo o seu pequenino Neda e se virão mais ou não, isso não importa. Devemos curtir o agora! Beijos!