Páginas

domingo, 19 de setembro de 2010

A escola

Até onde pude perceber o ensino publico argentino é de boa qualidade, em todo caso, é bem acima da média brasileira e seria uma opção para o Guilherme. Mas, nesta vida temos que sempre pensar adiante e, neste caso, seria interessante que o pequeno começasse os estudos do inglês e isso, a maioria das escolas publicas não oferece na idade dele. Então partimos para as escolas particulares bilingues, o universo não é amplo e em certo ponto quase voltamos atrás, mas depois de conversar com pessoas com filhos na idade do Guilherme e visitar escolas, escolhemo.

Na escola as turmas de 1, 2 e 3 anos as crianças frequentam a escola apenas um periodo, o da manhã, as atividades começam as 08:30 e terminam ao 12:15. A turma de 4, o periodo da tarde é opcional, e as crianças podem almoçar em casa e voltar para a escola, ou ficar na escola e almoçar por lá. Os que ficam em periodo integral saem as 16:45 da tarde. A partir da turma de 5 o periodo integral é obrigatório, mas a criança pode ir almoçar em casa. Nas turmas de 1, 2, 3 e 4 o idioma de sala de aula é o espanhol com atividades em inglês. Para os de 4 que estão em periodo integral, as atividades da tarde são em inglês. A partir da turma de 5, durante a manhã se fala espanhol e a tarde inglês. As crianças do Jardim tem um espaço só para elas, com um parquinho e tudo mais. Eles também aceitam (e tem no momento) crianças com necessidades especias, motora e cognitiva. Esse é o esquema mais ou menos das outras escolas bilingues que pesquisamos. Nas outras escolas é como no Brasil, tem gente que estuda só um periodo, outros que tem a opção de periodo integral.

A estrutura do sitema educacional daqui é assim:
  • Educação Inicial: Crianças de 3 a 5 anos de idade. Apenas o último ano é obrigatório.
  • Educação Geral Básica: Crianças e adolescentes entre 6 e 14 anos. O perido é dividido em três ciclos de três anos cada.
  • Educação Polimodal: Adolescentes de 15 a 17 anos e compreende um periodo de três anos. Possui foramação geral e orientada, que se traduzem no ensino de conteúdos básicos comuns para todos os estudantes e de conteúdos orientados a diferentes áreas do conhecimento que dão lugar a cinco modalidades: ciências naturais; economia e gestão das organizações; humanidades e ciências sociais; produção de bens e serviços e comunicação, artes e desenho.
A partir dai é a universidade, ainda não pesquisei como funciona, atualmente, o ingresso na universidade. Antigamente, havia um "examen de ingreso", hoje em dia eu não sei.

Depois, volto para falar sobre as atividades da escola, o uniforme, a alimentaçao e otras "cositas" que sei que todo mundo tem vontade de saber.

2 comentários:

Lia disse...

Guilherme poliglota...

Paloma, a mãe disse...

Valeu, neda, por matar a minha curiosidade sobre a educação aí.
Beijos